Google+ Followers

quarta-feira, 25 de março de 2015

Nossa educação está podre!


É um fato visível que nossa educação está tão podre quanto nossa cultura, política e economia. O Brasil têm a segunda pior educação do Planeta segundo ranking global da Economist. O problema vai além de salários e dinheiro. Segundo a OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico) o Brasil gasta mais de 19% de seu Orçamento com o setor. Mesmo assim estamos andando para trás: As estatísticas mais otimistas apontam a existência de 15 milhões de analfabetos funcionais no Brasil. Onde estamos errando? Ora, no método, é claro! Em breves linhas, o método Paulo Freire é uma grande farsa. Trata-se de um plágio e distorção do Método Laubach que dava ênfase à cidadania, paz social, ética pessoal, ao cristianismo e a existência de Deus. Paulo Freire copiou este método dando ênfase a luta de classes e a teoria marxista. Eis a síntese deste grande embuste conhecido como pedagogia do oprimido! 

Um comentário:

  1. Paulo Freire era um embromador. Sua teoria dispensa resultados. Sua pseudo-pedagogia é recheada com frases de efeito, mas sem qualquer aplicabilidade. A noção de opressor e oprimido, não resiste a uma breve sabatina dialética. Não há padrão de raciocínio, já que todos os valores podem ser relativizados.

    ResponderExcluir