Google+ Followers

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

O PT está podre!



A situação está grave para o desgoverno petista. Nos últimos dias mais amigos íntimos do ex-presidente Lula foram parar na prisão: Carlos Bumlai e Delcídio do Amaral.  Segundo o Ministério Público Federal, Carlos Bumlai teria repassado dois milhões de reais para quitar uma dívida imobiliária da nora de Lula. Os recursos teriam sido obtidos devido ao tráfico de influência de Lula junto ao BNDES. Já o líder do desgoverno petista no Senado, Dúlcídio Amaral (PT-MS) teve sua prisão decretada pelo Supremo Tribunal Federal. O senador  foi acusado pela Procuradoria Geral da República de atrapalhar as investigações da operação Lava Jato. Delcídio, Renan e Jarbas Barbalho teriam dividido entre si um suborno de R$ 6 milhões em contratos com a Petrobrás. Que vergonha!

Esquerda é derrotada na Argentina!



O Foro de São Paulo (organização da esquerda latino-americana) está em alerta: A oposição Liberal derrotou o populismo esquerdista de Cristina Kirchner que, tal como o lulopetismo no Brasil, destruiu as contas públicas e causou uma grave crise econômica, insolvência externa, inflação e desemprego. Maurício Macri é Engenheiro, Empresário e pretende implantar no país vizinho uma agenda pró-mercado. Inciou-se a reconstrução da Argentina!

Macri anunciou que irá solicitar a suspensão do governo socialista venezuelano do Mercosul por grave ofensa a cláusula democrática, devido as inúmeras prisões arbitrárias, torturas e repressão violenta de opositores. A corajosa proposta do Presidente Macri já causou grande desconforno desgoverno petista de Dilma, conivente com o totalitário desgoverno socialista de Nicolas Maduro. Parabéns Macri: Da Argentina sopram os ventos da Liberdade!

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Será que o petróleo é nosso?


O petróleo é nosso! Será mesmo? O petróleo é do desgoverno e estamos aprendendo onde nosso dinheiro vai parar: No bolso da quadrilha do petrolão! Pois bem: A gasolina brasileira está entre as mais caras do mundo e vai subir ainda mais! Então me respondam: Qual é a vantagem que este monopólio estatal nos trás? Nenhuma! Só há uma solução para acabar com a corrupção e ineficiência no setor: Privatizar e abrir o mercado de combustíveis!

domingo, 15 de novembro de 2015

E o prefeito cassado resolveu me atacar...


Pois é, meus amigos: O prefeito cassado pelos graves crimes de abuso do poder político e econômico, Joni Lehmann se juntou a três moleques para me atacar, mesmo eu não sendo candidato. Estou feliz com esta notícia. Pelo jeito eu continuo incomodando os ex-poderosos de nossa cidade. Ficaria preocupado se um cidadão como ele estivesse falando bem de minha pessoa. Continue assim, Joni! O que vem de baixo não me atinge.

sábado, 14 de novembro de 2015

Sobre os meus dois erros...


Nestes 35 anos de existência, 16 dos quais dedicados à política, meus inimigos só conseguem apontar dois erros que cometi: 1) Ter mijado em uma garrafa; 2) Ter sido esquerdista. Pois bem: Destes dois erros eu me arrependo de ter sido esquerdista, pois mijar entre quatro paredes (ou atrás de uma árvore) não é pecado, não é crime e não causou prejuízo a ninguém. Já ao ter apoiado o PT e sua quadrilha de mensaleiros e petrolarápios ajudei a causar um grande mal a 200 milhões de brasileiros! Peço, sinceramente, desculpas.

PT e comunistas estão com João Ardigo!


As eleições em Rolândia estão esquentando e a famigerada militância de esquerda já está promovendo ataques desesperados nas redes sociais. Nestas eleições, eles estão coligados com os candidatos João Ardigo e Rodrigo do Locatelli. Não tenho nada pessoal contra tais candidatos, mas não votarei nesta chapa. Não desejo ver Rolândia nas mãos dos mesmos partidos que jogaram o país em sua pior crise econômica, arrombaram as contas públicas, promoveram saques bilionários nas estatais, fundos de pensão, pedaladas fiscais, etc... etc... E você?

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

É impossível destruir a Vila Oliveira!


Muito se tem discutido no COMDEMA questões referentes ao direito de propriedade de imóveis localizados em bairros tradicionais, aprovados e consolidados anteriormente a edição do Código Florestal, Plano Diretor e Código Ambiental do Município.

Para ser mais específico, este é o caso de grande parte da Vila Oliveira (compreendendo todo o entorno do Kartódromo, Ruas Ouro, Jade, Marfim, Platina e Av. Ailton Rodrigues Alves) além dos Jardins Rosângelo, Terezópolis, Vila Odório, Vila Barros e Rua Europa. 

Alguns ambientalistas mais fanáticos estão lançando as sementes da eliminação do direito de propriedade de centenas de famílias e empresas nos bairros e regiões acima mencionadas. Chegaram ao absurdo de postular que a canalização do Córrego Urda seja desfeita.

Tal proposta é irrealizável, vez que seriam necessários milhões de reais em obras, além dos incontáveis prejuízos econômicos oriundos da demolição de diversas residências, empresas e estabelecimentos comerciais. Logicamente, tal medida deverá ser descartada.

Felizmente, a Doutrina, a Lei e a Jurisprudência de nossos Egrégios Tribunais são unânimes em garantir o direito de propriedade em Zonas Urbanas Consolidadas (ZUCs), primando pelos princípios da razoabilidade na Ordem Urbanística, evitando o caos social. 

Para os Desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo "em área com ocupação urbana consolidada, nenhum efeito surtirá ao meio ambiente a retirada de apenas uma edificação isolada, haja vista que o entorno do local está totalmente edificado". 

Já o Tribunal Regional Federal da quarta região decidiu: "É evidente que o postulado do direito ambiental a preconizar a ausência de direito adquirido para a formação do dano ao ambiente é importante, todavia não pode ser conduzido a patamar absoluto, devendo ser utilizado com o tempero necessário para não inviabilizar a vida em sociedade". 

Com efeito, resta evidenciado que os dispositivos da Legislação Ambiental e do Plano Diretor deverão ser observados apenas em novos loteamentos. Em bairros consolidados, o Direito de Propriedade deverá ser integralmente respeitado! O agente público (ou conselho) que ignorar tal sistemática incorrerá em grave crime de abuso de autoridade!

Por fim, saliente-se que a eliminação do Direito de Propriedade em Zonas Urbanas Consolidadas só será discutível mediante prévia e justa indenização em dinheiro conforme determina o art. 182, § 3º  da Carta Magna da República. Uma questão de lógica e Justiça!

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Coletivismo é escravidão!


Há muitos séculos, fanáticos e saqueadores de todos os tipos pregam a anulação completa do indivíduo e sua submissão total (força, inteligência e patrimônio) aos "interesses da coletividade". Entretanto o que seria a tal coletividade? Uma raça superior, como pregava o nacional socialismo dos trabalhadores? Uma classe superior, como pregam os socialistas/marxistas ou todos nós como pregam os utopistas? E mais: Quem definiria os supostos interesses coletivos? Um líder? Um partido? O estado? A religião? A maioria? Todos nós? Seria viável? Seria possível? Eis as questões... 

Sobre o voluntariado...


Ao contrário do que os saqueadores coletivistas pregam, não há nada de mal (ou vergonhoso) em ganhar dinheiro através da indústria, da prestação de serviços ou do comércio honesto. Esta é a essência de todo Homem Justo. Tal enfoque não exclui o associativismo ou o voluntariado. Com efeito, é nobre e gratificante dedicarmos uma parcela de nosso tempo, força, inteligência ou posses (na medida e a quem julgarmos merecedores) desde que sem imposições de qualquer natureza! Esta é a política que acredito, sigo e defendo.